O Porto

casas coloridas na ribeira do douro em porto portugal

Segunda maior cidade de Portugal, o Porto é imponente, antigo, charmoso e aconchegante. Vamos detalhar o que sentimos pela cidade que deu nome a Portugal e que foi considerada como melhor destino de viagem em 2017 pela European Best Destination, prêmio que ganhou 3 vezes nos últimos 10 anos.

Para aproveitar o melhor do Porto é preciso ter sorte e pegar a cidade com sol, o que é difícil. A cidade iluminada é especialmente linda. O melhor clima aparece no verão, quando há menos chuvas, mas também mais turismo.

A chuva acentua alguns traços negativos da cidade, mas também acentua outros, que consideramos bonitos até. Como dissemos, a cidade é aconchegante, e a chuva traz ainda mais aconchego e reforça a atmosfera bucólica; pode ser que você queira ficar dentro de casa nesses dias, mas se quiser sair para rua com capa de chuva (não esqueça de levar!) reparará mais na imponência dos prédios antigos de tradição gótica que imprimem um tom pesado à cidade.

Não há como não notar esse peso. A arquitetura do Porto é muito presente e faz viver a cidade, ou nos transportar para o que ela era. Mas, junto com esse peso que não carrega só coisas más, está toda a leveza. O rio Douro, o contraste da arquitetura barroca, as ruas largas, o verde da cidade, as belíssimas igrejas e a vida de cidade pequena que ao mesmo tempo quer se abrir para o turismo e ainda manter a sua raiz.

O romantismo também fica evidente quando se chega ao Douro. É impossível não se sentir abraçado. Ande pelas margens do rio, no bairro conhecido como Ribeira; sente, coma e beba algo por ali, é demais. Há música ao vivo e vista para o monumento mais grandiosos da cidade: a Ponte D. Luís I (ao lado dela há outra, a Ponte D. Maria Pia, obra de Gustave Eiffel, pai da Torre Eiffel de Paris). Não deixe de caminhar à noite e ver a ponte iluminada. Caminhe sobre e embaixo dela, em direção a Vila Nova de Gaia, onde estão as adegas dos famosos Vinhos do Porto.

Saindo das margens do Douro há muito o que conhecer: restaurantes clássicos, cafés, praças, parques e igrejas. Não deixe de ir à praça dos Aliados, à Estação de São Bento, ao Mercado do Bolhão, à Livraria Lello e ao Café Majestic. Por último, pegue um pôr-do-sol na Torre do Clérigos, admirando a vista panorâmica da cidade.

E não é só de passado que o Porto vive. Há, como dissemos, um processo de revitalização e também de modernização, evidenciada, principalmente, pela estrutura do Metrô, a Casa da Música, o estádio do Porto FC e os Shopping Centers.

Porto tem muito a mostrar e vale a pena a viagem! Para quem pensa em morar por aqui, espere mais um pouco que temos muito a contar!

Nenhum pensamento

  1. O Porto encanta….merece ser visitado. Quando lá estive, a chuva foi intensa! Mesmo assim, não perdeu a sua beleza !!!

Os comentários estão encerrados.